ALBERT EINSTEIN

Albert Einstein (1879 – 1955) nascido em Ulm, Alemanha, autor da equação da relatividade que dá todo o embasamento científico á nossa pesquisa, é considerado o maior físico teórico de todos os tempos.

Uma pesquisa recente, para definir as maiores personalidades do mundo, feita pela Plos One, publicada na revista americana Times informa que entre mais de sete mil universitários em 37 países de todos os continentes Albert Einstein toma o primeiro lugar disparado no topo da lista, seguido por Madre Tereza de Calcutá, Mahatma Gandhi, Martin Luther King, Isaac Newton e o Mestre de Nazaré que aparece em sexto lugar.

Huberto Rohden, (1894 – 1981) cientista, teólogo e filósofo que conviveu com Einstein enquanto frequentava a Universidade de Princeton (Estados Unidos) em seus escritos consta que;

É ilusão quase universal, de milhões de leitores, acreditar que a genialidade de Einstein consiste apenas na Teoria da Relatividade ou nas suas afirmações sobre a propriedade da luz” — e continua Rohden — “Sabemos que a genialidade de Einstein consiste no fato de ter ele ultrapassado as barreiras da análise intelectual e entrado na zona da intuição racional”.

O matemático e filósofo inglês Bertrand Russel (1872 – 1970) professor da Universidade de Cambridge diz: “Todos sabem que Einstein descobriu algo de assombroso, mas poucos sabem realmente o que ele fez”. Einstein nunca teve a pretensão de afirmar que sua teoria fosse analiticamente demonstrável, mas sempre afirmou que ela é intuitivamente certa.

Mahatma Gandhi líder espiritual e pacifista indiano afirmava que:

Se todos os livros sacros da humanidade se perdessem e só restasse o Sermão da Montanha, nada estaria perdido”.

Á luz da compreensão da essência da matéria E=MC³C²C² (Um quantum de energia tempo [E] é igual à unidade de matéria absoluta [M] multiplicada pela Constante Geométrica [C³], multiplicada pela constante magnética [C²] multiplicada pela constante gravitacional [C²]) posso afirmar sem a menor sombra de dúvida que:

Se todos os livros sacros da humanidade se perdessem e só restasse a equação da massa (E=mc²) que explica o Verso, e a equação da matéria (E=MC³C²C²) que explica o Uno, todos os mistérios do Universo estariam revelados para os homens de boa vontade, a ciência estaria inaugurada e nada estaria perdido”.

valeriofornari@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s